Mudanças no IPTU

Mudanças no IPTU

Os contribuintes cariocas não podem mais pagar as cotas do IPTU 2019 nas casas lotéricas, nas agências da Caixa Econômica Federal ou nos correspondentes bancários vinculados à instituição financeira.

Segundo o município, o banco informou, por meio de correspondência, a que, a partir de 1º de junho, não continuaria prestando o serviço de arrecadação para a Prefeitura do Rio de Janeiro. Até então, os não correntistas da Caixa podiam pagar o imposto nas agências do banco (caso em que não havia limite de valor), nas lotéricas ou nos correspondentes Caixa Aqui (nestes dois últimos casos, o teto era de R$ 2 mil, em dinheiro). Já os clientes da Caixa podiam pagar o IPTU pelos canais digitais do banco ou pelo caixa eletrônico, no qual o limite para pagamento era de R$ 1.500 — teto que poderia ser aumentado, caso o cliente fosse até a agência mantenedora da conta para solicitar a alteração.

Procurada, a Caixa informa que encerrou a prestação de serviços de arrecadação de tributos municipais para a Prefeitura do Rio em virtude de vencimento do contrato

Por enquanto, pagamentos de impostos, contribuições e taxas e outras receitas relativas ao município, segundo a Secretaria municipal de Fazenda, podem ser pagas em nove bancos credenciados (Banco do Brasil, Santander, Bradesco, Itaú, Banco de Brasília, Citibank, Sicredi, Bancoob e Mercantil do Brasil).

Ainda de acordo com a prefeitura, o contribuinte ainda tem opções de pagamento em correspondentes bancários, como supermercados, lojas e farmácias, a exemplo de Casas Bahia, C&A e Carrefour. A lista dos habilitados a receber o pagamento está em http://prefeitura.rio.

Os donos de lotéricas, por sua vez, se queixam. Segundo eles, a rede lotérica perderá renda, já que para cada cota de IPTU paga as lotéricas recebem R$ 0,50. O recebimento do imposto, dizem eles, representa uma importante parcela na arrecadação mensal.

Fonte : Jornal Extra

Comentários